Notícias

Saúde 21/06/2022

JUNHO VERMELHO – Secretaria Municipal de Saúde disponibiliza transporte para doação de sangue

A Prefeitura Municipal de Paraíba do Sul, através da Secretaria Municipal de Saúde, disponibiliza quatro motoristas para levar doadores ao Hospital de Vassouras sempre que necessário e de três em três meses ao Rio de Janeiro no INCA da Cruz Vermelha.

A Campanha Junho Vermelho foi criada em junho de 2015 e estendida pelo Ministério da Saúde (MS) para todo o país com o objetivo de incentivar o espírito de solidariedade, conscientizando a população de que a doação de sangue é um ato de amor ao próximo, uma atitude que salva vidas.

Junho já é considerado o período de maior escassez nos estoques de sangue por registrar uma diminuição no número de doadores no Brasil e é, portanto, um dos motivos da campanha ser realizada neste mês. Nesta época há um aumento da incidência de infecções respiratórias, propiciado pela queda das temperaturas e o tempo seco, levando as pessoas a se recolherem, deixando-as menos propensas a sair de casa.

Telefone do setor de transporte: 24 99228-1922/ 2263-5631

Confira os requisitos para doação de sangue:

Podem doar sangue pessoas entre 16 e 69 anos e que estejam pesando mais de 50kg. Além disso, é preciso apresentar documento oficial com foto e menores de 18 anos só podem doar com consentimento formal dos responsáveis.

Pessoas com febre, gripe ou resfriado, diarreia recente, grávidas e mulheres no pós-parto não podem doar temporariamente.

O procedimento para doação de sangue é simples, rápido e totalmente seguro. Não há riscos para o doador, porque nenhum material usado na coleta do sangue é reutilizado, o que elimina qualquer possibilidade de contaminação.

É preciso estar com bom estado de saúde e seguir os seguintes passos:

Estar alimentado. Evite alimentos gordurosos nas 3 horas que antecedem a doação de sangue.

Caso seja após o almoço, aguardar 2 horas.

Ter dormido pelo menos 6 horas nas últimas 24 horas.

Pessoas com idade entre 60 e 69 anos só poderão doar sangue se já o tiverem feito antes dos 60 anos.

A frequência máxima é de quatro doações de sangue anuais para o homem e de três doações de sangue anuais para as mulheres.

O intervalo mínimo entre uma doação de sangue e outra é de dois meses para os homens e de três meses para as mulheres.