Notícias

Paraíba do Sul terá Dia D de Vacinação contra a Febre Amarela

Neste sábado, dia 27 de janeiro, a Prefeitura de Paraíba do Sul, através da Secretaria Municipal de Saúde, realizará o Dia D de Vacinação contra a Febre Amarela no Centro Materno Infantil no horário de 8h as 14h.

A vacinação contra a Febre Amarela é indicada para todas as pessoas com idade acima de 9 meses. Quem já recebeu a dose única da vacina está imunizado e não precisa ser vacinado novamente num período de 10 anos.

É importante comparecer ao Materno Infantil com a caderneta de vacinação em mãos para que seja verificado quais doses foram aplicadas anteriormente e se há necessidade de atualização de outras vacinas.

A Secretaria Municipal de Saúde mantém uma rotina de aplicação da vacina contra a Febre Amarela no próprio Materno e em Unidades de Saúde do município, possibilitando que aproximadamente 53% dos sul-paraibanos já estejam imunizados contra a doença.

 

Vacinação segue acontecendo nas UBS

Devido ao aumento do número de casos de Febre Amarela nos municípios da região, a Secretaria de Saúde intensificou a oferta da vacina na rede municipal de saúde com o objetivo de garantir que Paraíba do Sul permaneça imune à doença.

Desde a última sexta-feira (18), foram ampliados os pontos de vacinação na cidade e diversas Unidades Básicas de Saúde (UBS) já disponibilizam a vacina à população e continuarão aplicando de segunda a sexta após o Dia D. O horário de atendimento para a vacinação em todas as Unidades Básicas é das 9h às 14hs.

As Unidades Básicas que estão aplicando a vacina são: UBS Centro; UBS Santa Josefa; UBS Inema; UBS Inconfidência; UBS Lava-pés; UBS Liberdade; UBS Morro da Alegria; UBS Queima Sangue; UBS Santo Antônio e UBS Werneck. O Centro Materno Infantil permanece aplicando a vacina normalmente no horário de 8h as 12h, também de segunda a sexta.

A estratégia de utilizar as UBSs para a vacinação visa facilitar o acesso dos sul-paraibanos, possibilitando que o maior número de pessoas sejam imunizadas no município. Em Paraíba do Sul a vacina da Febre Amarela faz parte da rotina de vacinação e em 2018 não houve registros de casos na cidade e nem de macacos mortos vítimas da doença.

É importante lembrar que os macacos não transmitem a doença, são apenas sinalizadores biológicos da presença da Febre Amarela na região. Nas áreas urbanas o principal transmissor da doença é o mosquito Aedes aegypti, o mesmo que transmite a dengue e, por isso, é fundamental que a população aumente os cuidados em relação à proliferação deste inseto, eliminando todos os locais de água parada nas residências.

O Secretário Municipal de Saúde, Fabiano Ribeiro, destacou que mesmos com os casos de Febre Amarela registrados em algumas cidades próximas à Paraíba do Sul, não há motivo para pânico. Segundo Fabiano, há doses suficientes para todas as pessoas e a intensificação da vacinação visa a prevenção da doença.

“E importante que todos compareçam aos pontos de vacinação neste momento e levem a família. Não há risco nenhum para a saúde das pessoas que recebem a vacina. A mortalidade de quem contrai a doença é alta, portanto, é fundamental a imunização. Vamos trabalhar para que todos sejam vacinados” – disse Fabiano.